A Wicca voltou para o mundo!

    
Realmente, ela nunca tinha deixado - as crenças populares e o culto das bruxas antigas sempre estiveram conosco. Mas vários séculos passados, as bruxas, com suas tradições seculares, foram forçados à clandestinidade pela perseguição - com muitas perdas para o homem comum.
     Agora, as religiões estabelecidas são enfraquecidas e cambaleantes, suas fundações  destruídas por um mundo em rápida mutação. Seus esforços para ajustar e alterar, para "manter o passo com os tempos," só enfraqueceu ainda mais. Apenas o suporte de ser socialmente conveniente protegeu as igrejas do colapso total. E a estrutura da própria sociedade está a enfraquecer, com a "conveniência social" que tem cada vez menos poder com uma nova geração que cada vez mais despreza o que é inútil e irrelevante.
     Mas então – para onde devemos ir?
     A resposta encontra-se profundamente dentro de nós mesmos - que sempre foi - e fora do mundo da natureza, que há muito tempo tem nos esperado.
     Para o Caminho Wiccaniano é muito perto da alma da humanidade, é uma crença natural, que vê o homem como ele é, sem tentar empurrar um molde pré-concebido. Além disso, a Wicca vê o mistério e a riqueza da natureza, e abre o caminho para uma compreensão que o mundo moderno tem ignorado.
     O Caminho da Wicca, como existe hoje, é baseada em crenças válidas a partir de um passado distante.
     Existe uma flexibilidade maior, pois a Wicca não é fixa e dogmática. Há novas aventuras da mente e do espírito, a Wicca prospera em beleza, alegria e cor.
     E há a inspiração de trabalhar em direção a um mundo novo - um totalmente diferente do de hoje.
     E um muito melhor.
Reações:

2 comentários:

marcelo cassio disse...

Todos os textos são maravilhosos!

Sâmia disse...

O fato de ser uma crença sem dogmatismos ou religiosismos, que evolui como evoluem os seres e os mundos, que crê no óbvio: reencarnação, lei de causa e efeito, amorosidade, moralidade sem moralismo falso, é simplesmente encantador! Leveza, honra, estudo e reflexão, penso, devem nortear o mundo Wicca. Que permaneçam no caminho da simplicidade, da crença, da Doutrina, sem cair na tentação de institucionalizar-se como uma religião.