Lua, Luar


 Lua, Mãe das Bruxas, das Feiticeiras, das Fadas; das Estrelas, das Mulheres, das Madrugadas; vem a mim! Vem a mim!

Por amor à Deusa ou ao Deus, vem a mim! Vem à Terra me ensinar todas as poções e todas as magias; todos os encantamentos e todas as alquimias, para que, multiplicando meus talentos, possa aliviar todos os sofrimentos, não apenas os meus, mas os sofrimentos deste planeta, desta gente tão perdida, tão cansada, tão sofrida.

Lua! Lua! Luar!... Vem por piedade ou por amor me ensinar a magia com humildade; a praticar a caridade e a usar meu poder com justiça, com bondade.

Enfim, Mãe Lua, vem me trazer o amor, o bem, a verdade, para que eu possa iluminar e me iluminar.

Ó Lua! Tu que és Mãe dos Elfos, das Sereias, das Alvoradas, das Deusas, das Flores e "das Encantadas" não me desampares; se estás querendo envolver a Terra por saudade ou por necessidade, anoitececomigo, amanhece comigo e vamos juntas livrá-la da violência, da intransigência, da intolerância, da guerra; da dor, do desamor; enfim, de todo o mal. Deixa-me trabalhar ao teu lado. Tu tens a luz e eu tenho o punhal; se o teu coração é a taça, minhas lágrimas são o licor. Deixa-me colaborar contigo. Deixa-me, por amor! Quero ser o trigo, a consolação, a água, a paz, o pão... a luz... Quero ser também um luar;quero ser uma parte de ti, um pedaço da Deusa, uma partícula do Deus. Quero o meu lugar. Quero servir, amar, iluminar...

Lua! ilumina meu espírito para que ele, cheio de amor profundo, viaje de um mundo a outro mundo e se perca e se encontre no infinito, na luz, além... Assim Seja!
Reações:

1 comentários:

Vimaria Oliveira disse...

Obrigado por ensinar-fiz desta minha oração.