Equinócio de Primavera - Ostara (21 de março) - Sabats Wicca


Ostara é o festival em homenagem à Deusa Oster, Senhora da Fertilidade, cujo símbolo é o coelho. Foi desse antigo festival que teve origem a Páscoa. Os membros do coven usam grinaldas, e o altar deve ser enfeitado com flores da época. É um costume muito antigo colocar ovos pintados no altar. Eles simbolizam a fecundidade e a renovação. Os ovos podem ser pintados crus e depois enterrados, ou cozidos e comidos enquanto mentalizamos nossos desejos. Antes de comê-los, os membros do coven devem girar de mãos dadas em volta do altar para energizar os pedidos. Os ovos devem ser decorados com símbolos mágicos, ou de acordo com a criatividade. Os pedidos devem ser voltados à fertilidade em todas as áreas.
Reações:

2 comentários:

Luciana disse...

Olá, adorei o blog! Mas tenho uma dúvida: nós, como brasileiros, devemos celebrar o equinócio de primavera de acordo com o hemisfério norte ou de acordo com onde vivemos? Porque se for de acordo com o Brasil, ele será em setembro.
Obrigada!

Anônimo disse...

Luciana, na Wicca não há uma só verdade. Na minha opinião, nós devemos estar sempre em sincronia com os ciclos da Terra e da Lua, o que implica sincronizar-se com o aqui e o agora. Há quem comemore as datas do Norte, da mesma forma que alguns bruxos optam por nadar contra a maré energética fazendo rituais de banimento em lua crescente. Em tudo há uma vantagem. O bruxo, do exemplo citado,terá maior facilidade ao fazer o mesmo ritual na lua favorável.
Exemplos à parte.
Lhe aconselho a fazer o que sentir que deve. Você saberá o que é melhor pra si.